Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento. Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

Açacui

Euphorbia cotinoides

Planta também conhecida como leiteiro, é um arbusto ornamental, cercada de pelêmica, acredita-se que o açacui é uma das plantas que compões o curare, um veneno mortal utilizado pelos indígenas brasileiros.

Descrição : Planta da família das Euforbiáceas, também conhecida como Leiteiro vermelho, caracasana, barrabás, aiapana, açacuí, figueirinha-roxa, maleiteira.

É um arbusto grande ou arvoreta, de copa globosa e folhagem vermelha, muito ornamental.

Seu caule é ramificado e sua seiva é lactescente.

As folhas apresentam forma elíptica e são de um vermelho intenso, elucida Paul Lê Cointe*, na sua obra sobre as árvores e plantas da Amazônia Brasileira.

Quando atingido por estiagem ou geadas, o leiteiro vermelho se desfaz de suas folhas, tornando-se decíduo.

A floração ocorre na primavera e as flores são bem pequenas, de coloração branco creme e importância ornamental secundária.

Origem : América Central e América do Sul

Indicações: A raiz é purgativa e o suco leitoso das folhas, adicionado ao mel, é recomendado contra as dores noturnas nos ossos, de origem sifilítica. (Júnior)

acacui folhas

Cuidados:

Lesões de pele: cuidados higiênicos, lavagem com permanganato de potássio 1:10.000, pomadas decorticóides, anti-histamínicos VO.

Ingestão: Evitar esvaziamento gástrico, analgésicos e antiespasmódicos, protetores de mucosa (leite, óleo de oliva).

Casos graves: corticóides.

Contato ocular: lavagem com água corrente, colírios antissépticos, avaliação oftalmológica.

Efeitos colaterais:

Irritação de pele e mucosas : com hiperemia ou vesículas e bolhas; pústulas, prurido, dor em queimação.

Ingestão: lesão irritativa, sialorréia, disfagia, edema de lábios e língua, dor em queimação, náuseas, vômitos.

Contato ocular: Conjuntivite (processos inflamatórios), lesões de córnea.


Bibliografia:

JÚNIOR, Ademir Barbosa, Guia Prática de Plantas Medicinais, descubra o que os vegetais podem fazer pela sua saúde - Universo dos Livros Editora, São Paulo, 2009 - ISBN8599187-11-2. Página 8.

MOREIRA, Frederico ., As plantas que curam: cuide da sua saúde através da natureza - 5. Edição, Hemus Editora Ltda, 1971. Página 16.

* Paul Le Cointe - 1870 - foi um naturalista francês, especialista em Espermatófitas. Autor da obra árvores e plantas da Amazônia Brasileira.

Dieta  de 21 dias