Relação das obras consultadas na construção desse site. Guia com algumas doenças e suas ervas respectivas para tratamento.Receitas de chás terapêuticos. Receitas de remédios naturais  produzidos com ervas. mande-nos um e-mail Compre o nosso e-book exclussivo

ALAMANDA DE JACOBINA

Allamanda blanchetti

Alamanda de Jacobina ou Alamanda de Blanchet, é uma planta muito rústica e bonita, nativa da América do Sul, medicinalmente utilizada em espasmos e icterícia.

Descrição : Planta da família das Apocynaceae, também conhecida como alamanda-de-blanchet, alamanda-cheirosa, alamanda-roxa, emeto, orelia, rosa-do-campo.

Trata-se uma herbácea muito rústica,  porém bonita.

Apresenta ramos longos e arroxeados e folhas ovaladas, coriáceas, verdes e brilhantes.

Suas flores são grandes, de cores envelhecidas, que incluem o rosa, o roxo, o amarelo e o creme, de acordo com a espécie.

Origem: América do Sul, Brasil

Princípios Ativos: Glicosídeo cardiotóxico.

Propriedades medicinais: Aromática, laxante, catártica, antiespasmódica, purgativa.

Indicações: Espasmo, icterícia.

Efeitos colaterais:

Náusea, cãibras de estômago, elevação da temperatura, sede, erupção da pele. Fazer lavagem gástrica por pessoal experiente, tendo em conta as propriedades cáusticas do vegetal.

As manifestações gastrintestinais exigem apenas tratamento sintomático, complementado por correção adequada dos distúrbios hidreletrolíticos, que são complicações relativamente frequentes.

Modo de usar: Usar só sob prescrição e acompanhamento médico.

Alamanda de Jacobina

Dieta  de 21 dias